Saiba como o psicólogo online pode ajudar em tempos de coronavírus

Em um momento tão delicado como o atual, em que diversas mudanças abruptas nos pegaram de surpresa e a necessidade de isolamento social para a contenção da disseminação da Covid-19 — provocada pelo novo coronavírus — passou a ser a medida preventiva mais eficaz, a saúde mental dos brasileiros foi fortemente impactada de modo negativo. Sinais de transtornos preexistentes foram potencializados e novas desordens se manifestaram em pessoas que, até então, não lidavam com tais quadros clínicos.

Diante desse cenário, a atuação dos profissionais de Psicologia se tornou ainda mais importante no sentido de prestar um auxílio a esses grupos no enfrentamento e na superação dos sintomas, ajudando-os na manutenção do equilíbrio em meio ao caos. Entretanto, com os perigos da exposição e o medo de sair de casa — atualmente, enxergada por muitos como um “refúgio”, um lugar seguro —, muitos pacientes têm optado pela modalidade de atendimento a distância.

Por essa razão, se esse modelo de atuação ainda não é uma realidade no seu dia a dia profissional, este conteúdo o ajudará a mudar isso. Continue a leitura e descubra o quanto um psicólogo online pode ser de grande ajuda neste período e fazer a diferença na vida de inúmeros indivíduos, que terão a opção de manter o tratamento tão necessário virtualmente.

Como um psicólogo online pode ajudar os seus pacientes no enfrentamento de tempos tão difíceis?

Inicialmente, há que se dizer que a Psicologia pode ser entendida como a ciência que estuda o comportamento do ser humano. Embora essa seja uma definição bastante simplista, é exatamente por isso que, em períodos tão difíceis, como o que vivenciamos atualmente, esse campo profissional tem ganhado grande relevância. 

A razão para tanto é que compreender o comportamento dos indivíduos e as suas diversas minúcias é de grande valia para viabilizar a identificação, a avaliação, o manejo e a reestruturação de condutas em um estágio de calamidade social, como o do presente momento. Justamente por isso — e considerando as medidas preventivas recomendadas pelos órgãos de saúde — que o Conselho Federal de Psicologia tem não apenas aceitado, mas apoiado o atendimento na modalidade remota como uma alternativa eficaz e válida.

É incontestável que, embora já tenhamos ouvido falar de períodos históricos semelhantes ocorridos no passado, as gerações atuais jamais lidaram com algo sequer parecido com o que estamos vivendo hoje.

Além disso, diante de tantas incertezas e temores, parece impossível estar psicologicamente “ileso”, e dados divulgados pelo Observatório Febraban/Ipespe atestam isso: com três mil pessoas ouvidas em cinco diferentes regiões do país, chegou-se à conclusão de que a pandemia afetou a saúde mental de mais da metade da população. 

Levando todos esses pontos em consideração, a seguir, entenda como um psicólogo online pode ajudar a contornar esse cenário e, consequentemente, por que vale a pena cogitar a disponibilização dessa modalidade de atendimento.

Possibilidade de monitoramento emocional dos pacientes

Embora muitas atividades já estejam em processo de retomada e muitos estabelecimentos estejam reabrindo, manter exclusivamente a possibilidade de marcar sessões presenciais levantará uma barreira entre você e os pacientes que ainda não se sentem suficientemente seguros para sair de casa. Sendo assim, além de, naturalmente, haver uma queda na geração de receita pela diminuição de consultas, não será possível acompanhar a saúde mental de indivíduos que já estavam em tratamento e quadros clínicos potencialmente mais críticos.

Por outro lado, disponibilizar a marcação de atendimentos a distância permitirá que você monitore a estrutura emocional e o bem-estar dessa parcela do seu público. Além disso, especialmente aqueles pacientes que enfrentam condições mais graves terão a chance de dar continuidade ao tratamento e não se sentirão em um “estado de abandono”, o que pode, inclusive, agravar determinadas desordens.

Promoção da sensação de proximidade e manutenção da relação de confiança

Ainda que não seja uma regra válida para todos, muitas pessoas são extremamente resistentes à ideia de buscar uma ajuda profissional quando lidam com questões psicológicas, mesmo que elas estejam afetando diversos aspectos do seu cotidiano. Isso faz com que grande parte das relações estabelecidas entre o psicólogo e o paciente seja construída pouco a pouco, com a confiança sendo conquistada ao longo do tempo.

Por essa razão, especialmente considerando esses casos, não disponibilizar o atendimento online pode significar a criação de novos obstáculos na comunicação em razão da perda de proximidade e da interrupção das sessões. Isso pode não apenas gerar a necessidade de “recomeçar do zero” todo o trabalho que havia sido feito até então, ignorando os avanços, mas também acarretar a suspensão definitiva do tratamento, com a perda da confiança no profissional por parte do paciente e a sua regressão ao estágio inicial.

Oportunidade de alcançar novos pacientes que poderão iniciar o tratamento terapêutico

Esse ponto pode ser visto como um benefício para ambas as partes — o profissional da Psicologia e o paciente.

Isso porque o psicólogo online, que se dispõe a realizar as sessões a distância, poderá perceber uma maior procura por parte de indivíduos que ainda não eram adeptos à terapia, mas que, neste período pandêmico, passaram a enfrentar circunstâncias que os fizeram buscar esse tipo de tratamento, como o luto, em razão da perda de um ente querido, a síndrome do pânico, a ansiedade, entre outros transtornos que se tornaram comuns.

Isso, naturalmente, colaborará para uma elevação da receita e oportunizará a fidelização de novos pacientes após o fim desta fase delicada, que poderão, inclusive, migrar para o atendimento presencial.

Por outro lado, essa parcela de pessoas que, possivelmente, nem sequer cogitavam iniciar um acompanhamento profissional com um psicólogo e que, em razão disso, viram-se sem a quem recorrer para buscar ajuda, terá a chance de iniciar um tratamento com a abordagem direcionada para a condição com a qual vem lidando. Essa oportunidade de autocuidado para esses indivíduos só se tornou possível graças às sessões a distância, já que, do contrário, eles se encontrariam desassistidos.

Como você viu, o psicólogo online e a disponibilização de sessões a distância são extremamente valiosos, principalmente neste período pandêmico que enfrentamos. Entretanto, tão importante quanto oferecer essa modalidade de atendimento é estar efetivamente preparado para atender a esses pacientes, sabendo identificar as desordens e as melhores abordagens para cada um dos tratamentos, o que é possível por meio do investimento em cursos e especializações.

Você já ouviu falar do Cognitivo? Somos uma instituição com um corpo docente constituído por professores com ampla atuação como terapeutas cognitivo-comportamentais e turmas presenciais e na modalidade EAD. Entre em contato conosco e saiba mais!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.